Aromaterapia, Yoga

Mantenha sua Concentração com óleos essenciais e yoga

Concentrar-se é manter a atenção mesmo diante de distrações

Concentração é a capacidade de manter a atenção em algo por vontade própria. Porém, em um mundo com cada vez mais ruídos, tanto internos quanto externos, concentrar-se em algo passou a ser bem desafiante.

Os óleos essenciais e algumas técnicas de yoga combinados irão ajudar você a ter o controle da sua atenção.

Porém, antes de conhecer a solução, vamos entender a causa do problema.

O que causa a dificuldade de concentração?

Podemos sentir dificuldade de concentração mesmo quando estamos fazendo algo de que gostamos.

Veja quais são os ruídos externos mais comuns que atrapalham nossa concentração (e dicas para silenciá-los):

notificações do celulardeixe o celular no silencioso
barulhos de conversas, de rua, outros sonsbusque um ambiente com menos ruídos ou use abafadores de ruídos se preciso
ambiente desorganizadoorganize, limpe e otimize seu ambiente
cheiro fortelimpe, areje e use óleos essenciais
desconforto no corpofaça pausas de 2 em 2 horas e alongue o corpo

Mas há também os ruídos internos, que distraem tanto quanto os externos, veja quais são e como abafá-los:

fluxo intenso de pensamentomedite, respire, faça técnicas que limpem a mente
fomealimente-se regularmente, mas com alimentos nutritivos e leves, que não deem sono
vontade de olhar as redes sociaisdesligue o celular ou deixe em outro ambiente
ansiedadepraticar yoga e utilizar óleos essenciais ajudam, saiba mais neste artigo

Um ponto bem importante: há temperamentos humanos que tendem à distração com mais facilidade. Porém, se o temperamento se desequilibra pode gerar patologias que precisam ser tratadas. Por isso é importante conhecer a si mesmo.

Saiba mais sobre temperamentos aqui.

E como melhorar e manter a concentração?

Pode ser simples silenciar alguns ruídos, mas bem complicado com outros. Então é preciso muita força de vontade e auxílio externo. 

O uso de óleos essenciais e a prática de técnicas de yoga são especialmente eficazes para melhorar a capacidade de concentração.

Conheça os óleos essenciais e escolha aquele que tenha as propriedades que possam atender melhor o seu perfil. Mas tenha paciência e persistência.

É preciso criar o hábito de usar o óleo essencial, afinal ele não é um remédio que atua no sintoma imediatamente, mas um recurso terapêutico que age ajudando o próprio ser humano a se equilibrar. 

Com o yoga ocorre o mesmo: os resultados vêm certamente, mas é preciso dedicação, regularidade e entrega.

Óleos Essenciais mais indicados para melhorar a concentração, como utilizá-los e suas contraindicações:

Óleo essencial de Alecrim Rosmarinus officinalis

Alecrim

  • Estimula o estado de alerta e favorece desempenho cognitivo, trazendo acuidade mental, atenção, memória e concentração.
  • Promove a ousadia, favorecendo a autoconfiança.
  • É estimulante e indicado para aqueles que estão apáticos e desanimados.

Não recomendado para gestantes, hipertensos, epiléticos e crianças menores de 6 anos.

Óleo essencial de Limão Tahiti Citrus latifolia

Limão

  • Dissolve confusão mental e letargia.
  • Aguça a lucidez ajudando na concentração.
  • Promove limpeza mental. 
  • Traz ânimo, alegria e disposição.

É fotossensibilizante, não se expor ao sol após até 12 horas do uso em caso de contato com a pele.

Óleo essencial de Eucalipto Glóbulos Eucaliptus globulus

Eucalipto

  • Estimula o fluxo sanguíneo cerebral trazendo mais atenção.
  • Elimina pensamentos repetitivos e tóxicos, limpa processos mentais que criam bloqueios.
  • Energiza e revigora o corpo.

Não recomendado para gestantes, hipertensos, epiléticos e crianças menores de 6 anos.

Óleo essencial de Louro Laurus nobilis

Louro

  • Promove clareza mental, estimula o foco e a concentração nos objetivos.
  • Fortalece a autoestima trazendo confiança em si mesmo, na capacidade de realizar o que deseja.

Não recomendado para gestantes e crianças menores de 6 anos.

Técnicas de yoga para melhorar a concentração:

O yoga é uma filosofia milenar que atua no ser humano em sua integralidade, ou seja, no corpo físico, nas emoções e na mente. Mas isso não acontece separadamente: cuidando do corpo físico, a mente fica mais clara e ativa e as sensações e sentimentos afloram.

Praticar yoga regularmente ajuda muito na manutenção da atenção focada e concentrada. E dentre as muitas técnicas, vamos destacar aqui algumas que irão te auxiliar na melhora da concentração.

Respiração alternada (Nadi Shodhana Pranayama) Estágio 1

  • Sente-se confortavelmente
  • Mantenha a coluna e cabeça verticais e alinhadas
  • Relaxe o corpo e feche os olhos
  • Faça uma respiração completa, lenta e longa
  • Feche a narina direita com o polegar
  • Inspire e expire pela narina esquerda 5 vezes

(A proporção da inspiração e expiração deve ser normal)

  • Esteja consciente de cada respiração
  • Após 5 respirações troque:
  • Feche a narina esquerda com o polegar
  • Inspire e expire pela narina direita 5 vezes, mantendo a respiração normal
  • Abaixe a mão e faça 5 respirações pelas duas narinas ao mesmo tempo
  • Isso é uma execução.
  • Faça 5 execuções ou pratique durante 3 a 5 minutos.

Utilize o óleo essencial escolhido no difusor de ambiente durante esta prática

Não praticar se estiver gripado ou com febre.

Olhar focado (Trataka)

  • Acenda uma vela e coloque-a sobre uma pequena mesa de forma que a chama esteja no nível dos olhos
  • Sente-se confortavelmente
  • O olhar deve estar distante da vela na medida de um braço
  • Mantenha o corpo imóvel durante a prática
  • Feche os olhos e relaxe o corpo, principalmente os olhos
  • Abra os olhos e foque o olhar fixamente na ponta do pavio

(a chama poderá oscilar um pouco, mas a ponta do pavio estará imóvel)

  • Tente não piscar
  • Não force o olhar
  • Fique consciente do pavio para que a sensação do corpo seja esquecida
  • Se a mente dispersar, traga-a suavemente de volta
  • Depois de 1 minuto, quando os olhos cansarem ou lacrimejarem, feche-os suavemente
  • Olhe para o reflexo da chama no espaço em frente dos olhos fechados
  • Quando a imagem não puder ser vista, abra os olhos e repita o procedimento
  • Faça 3 vezes
  • Ao final friccione as palmas das mãos até gerar calor e coloque-as sobre os olhos, abrindo-os na escuridão.

Utilize o óleo essencial escolhido no difusor de ambiente durante esta prática

Contraindicação: quem tem vista cansada, miopia, astigmatismo ou epilepsia não devem fazer na chama da vela, mas usar um ponto preto em um fundo claro.

Concentração (Dharana)

“(…)é preciso pacificar a mente para atingir esse estado de completa absorção. A mente é um instrumento que classifica, julga e coordena as impressões do mundo exterior assim como as que surgem dentro do indivíduo.”, diz Iyengar, em Luz sobre o Yoga

Aqui o exercício é pausar e focar a atenção em um só ponto. Veja as sugestões:

  • Observar uma imagem, como uma Mandala
  • Observar atentamente o ar que entra e sai das narinas.
  • Fechar os olhos e observar os pensamentos sem julgamento. Então afastar o pensamento que veio espontaneamente e pensar em algo por sua própria vontade. Então afastar esse pensamento e criar outro relacionado ao primeiro. Fazer isso ajuda a mente a treinar como afastar os pensamento e voltar a focar.

Transforme o autocuidado em hábito!

Identificar a causa da falta de concentração e utilizar óleos essenciais ou praticar yoga de vez em quando não vai resolver seu problema.

É preciso estar sempre desperto/a e trazer a aromaterapia e o yoga como práticas regulares de autocuidado, para que você se mantenha em equilíbrio.

Isso porque precisar tratar um desequilíbrio ou desconforto é mais difícil do que ter hábitos saudáveis que previnem problemas.

Então mantenha a atenção em si, reconheça o prazer que é se cuidar e fique bem!

Escrito por: Luiza Paim

Revisão/conteúdo técnico sobre óleos essenciais da nossa aromaterapeuta Elziane Paim.

Se for compartilhar este artigo, por favor, cite a fonte!